Exercícios com o peso do corpo para fazer em casa

Conheça e aprenda movimentos capazes de tonificar os músculos e garantir saúde sem auxílio de acessórios

Com o aumento do isolamento social devido a pandemia, muitas pessoas tiveram que mudar completamente sua rotina para se adaptar às novas recomendações de segurança. Com isso, muitos deixaram de frequentar academias e espaços voltados à prática de esportes.

Mas, o que poucos sabem, é que os exercícios com o peso do corpo têm a capacidade de tonificar os músculos, ajudar na perda de peso, além de melhorar a resistência física e garantir a saúde. E o melhor, podem ser feitos em qualquer lugar.  

Se você quer treinar em casa mas não sabe como começar e nem quais atividades fazer, continue lendo este texto.

Vantagens dos exercícios com o peso do corpo

Para se exercitar e ter uma vida saudável não é preciso se matricular na academia mais cara ou até mesmo ter um treinador acompanhando todos os movimentos. Com exercícios simples é capaz de trabalhar áreas específicas do corpo, bem como garantir benefícios como: 

  • Aumentar a força física;
  • Melhorar a resistência e flexibilidade;
  • Ajudar no equilíbrio;
  • Estimular a coordenação motora.

Os treinos caseiros devem ser feitos com atenção e liberados por um profissional de saúde. O mais indicado é realizar uma bateria de exames antes de praticar atividade física para verificar se não possui nenhuma comorbidade, como doenças cardíacas ou respiratórias, lesões físicas, entre outros. 

Os melhores exercícios com o peso do corpo

  • Flexão de braços

Já ouviu falar das flexões? É uma atividade clássica que traz enormes resultados.  Inicie o movimento apoiando no chão somente as pontas dos pés e as mãos. Mantenha os braços ao lado do corpo estendidos. Em seguida, eleve e desça o tronco com a força dos braços sem flexionar o quadril. Se estiver muito difícil ou você for iniciante, apoie os joelhos no chão.

  • Polichinelo

Outro movimento conhecido que traz enormes vantagens para a saúde. Este exercício aumenta o ritmo do coração, aquece as articulações e músculos e contribui para a coordenação motora. Com os dois pés juntos e os braços  encostados às coxas, dê um salto  para abrir e fechar as pernas sem sair do lugar e, ao mesmo tempo, levantar os braços acima da cabeça, tocando com uma mão na outra e voltando para a posição inicial. A movimentação lembra uma tesoura ao abrir e fechar. 

  • Prancha

Deitado com a barriga para baixo no chão, apoie os antebraços e a ponta dos pés e levante o corpo. Mantenha a postura ereta por no mínimo 30 segundos, focando a força no abdômen, e tomando cuidado para não levantar o quadril.  Apesar de parecer simples, o movimento requer estabilidade e resistência que pode ser difícil para quem  está saindo do sedentarismo. Por isso, não ultrapasse o limite do seu corpo. 

  • Agachamento

Para quem deseja ter coxas  e glúteos mais torneados este é o exercício indicado! Com os pés paralelos aos ombros, desça o quadril como se fosse sentar em uma cadeira e retorne à posição inicial em pé. Cuidado para não deixar os joelhos ultrapassarem as pontas dos pés durante o movimento. Para ajudar no equilíbrio, levante os braços para o alto ou estique para a frente na altura do peito. 

  •  Abdominal completo

Exercício indispensável para quem quer definir o abdômen. Deitado no chão, levante o tronco em direção às pernas, enquanto as encolhe, e desça novamente até a posição inicial. Este movimento auxilia no desempenho de outros treinos que exigem força, além de garantir que o eixo do corpo esteja fortalecido. 

  • Mountain climbers

Este movimento trabalha diversas partes do corpo, como pernas, abdômen e glúteo, estimulando a coordenação motora. Inicie o exercício apoiando as mãos e as pontas dos pés no chão. Em seguida, flexione um joelho até a altura do peito e mantenha a outra perna estendida. Então, faça o oposto, coordenando a movimentação o mais rápido que conseguir. 

Frequência de treinos 

Romper com o sedentarismo traz enormes vantagens para a saúde como um todo,  pode elevar a autoestima, melhorar a disposição e proporcionar um estilo de vida saudável. Mas começar a praticar atividade física requer alguns cuidados, como: 

  • Inicie devagar 

Quanto mais você praticar exercícios mais irá fortalecer o corpo, por isso, comece fazendo dois treinos por semana e aumente gradativamente. Não faça esforços físicos que você não está acostumado, e se sentir desconforto, diminua o ritmo ou até mesmo interrompa.

  • Faça uma atividade que goste 

Encarar os exercícios físicos como uma atividade divertida é essencial para mantê-lo, de uma vez por todas, em sua rotina. Por isso, experimente até encontrar uma modalidade que sinta prazer. Assim, a desmotivação e a preguiça nunca mais aparecerão. 

Agora que aprendeu os melhores exercícios para fazer em casa, que tal praticar hoje mesmo? Atividades físicas são uns dos pilares para uma vida mais saudável, além de aliviarem estresse e ansiedade! O importante é não ficar parado!

Deixe um comentário