Conheça os alimentos: Entenda a diferença entre diet, light, zero e orgânico

Com tantos produtos se auto-intitulando saudáveis nas prateleiras dos mercados, facilmente nos confundimos com suas finalidades. Saiba o que cada nomenclatura significa e escolha melhor seus alimentos

Todos nós sabemos que uma alimentação equilibrada é essencial  para o bom funcionamento do organismo. Mas como identificar se um alimento é verdadeiramente saudável? Nas embalagens de diversos produtos, frequentemente encontramos nomenclaturas como light, diet, zero e orgânicos, e nos confundimos sobre suas finalidades. 

Antes de 1988, essa categoria de alimentos era encontrada apenas em farmácias no Brasil. Hoje, eles são indicados para pessoas com restrições alimentares e são encontrados facilmente em todos os mercados. 

Para acabar com as dúvidas, confira as diferenças entre cada tipo de alimento:

  • Light 

A comida light é aquela que tem redução de, no mínimo, 25% de um determinado ingrediente, seja açúcares, gorduras totais ou sódio, em relação a sua versão convencional. Também é considerado light um alimento que possui um valor  energético baixo ou reduzido. 

Essa categoria de produtos é recomendada para pessoas que desejam diminuir o consumo de calorias com o objetivo de redução de peso. É recomendado a orientação de um profissional de nutrição para avaliar se o alimento possui as características necessárias para o seu plano alimentar antes de consumi-lo.

  • Alimentos Diet

Os produtos diet são aqueles em que é retirado um dos componentes nutricionais, como açúcares, sódio, glúten etc.

Estes alimentos são indicados para pessoas com alguma disfunção ou restrições alimentares, como diabéticos, que não podem consumir açúcar, e até mesmo hipertensos, que devem retirar o sódio da dieta. Por isso, não basta apenas que o termo diet venha impresso na embalagem, mas é preciso que o rótulo especifique qual nutriente foi retirado ou substituído.

Ao contrário do que pensam a maioria das pessoas, estes produtos não são voltados para controle de peso. O chocolate diet, por exemplo, não possui açúcar em sua composição, mas é rico em gordura e possui um elevado valor calórico.

  • Zero 

Já alimentos com a descrição zero possuem exclusão total de um ingrediente. Logo, é muito comum encontrarmos produtos com os termos “zero açúcar”, “zero gordura”, “zero sódio”, entre outros.

Esta categoria é benéfica para quem precisa excluir um nutriente específico da sua dieta, seja por problemas metabólicos ou até mesmo por alergias ou intolerâncias alimentares.

  • Orgânicos 

Produtos orgânicos, segundo a legislação brasileira, são aqueles obtidos por um sistema de produção não prejudicial ao ecossistema local.⁣ Ou seja, foram plantados sem agrotóxicos e criados sem uso de produtos químicos, o que resulta em alimentos sem nitratos, metais pesados, etc.

Estes alimentos são mais saudáveis?

Como diz o velho ditado popular, tudo na vida é necessário equilíbrio. Comer apenas alimentos diet, light, zero e orgânicos não significa que sua alimentação seja saudável. 

O uso destas categorias de produtos depende do seu objetivo de saúde e os benefícios que eles trarão para você. O consumo desenfreado destes alimentos modificados  e ultraprocessados podem causar variações no funcionamento do organismo.

Por isso, recomendamos que antes de consumir qualquer produto, leia com atenção a embalagem, mantenha uma dieta equilibrada e, caso ainda haja dúvidas, procure um especialista para te ajudar. 

O importante é reeducar o paladar para comidas mais saudáveis, dando preferência a alimentos pouco processados, in natura e que tenham boa procedência.

Deixe um comentário